Projeto Web Segura

A internet do Menino Maluquinho

By 24 de outubro de 2010 No Comments
Navegando tenho descoberto projetos bem engajados de segurança na Internet para crianças, um bastante legal que gostaria de compartir é do Cartunista Ziraldo. Convidado pela F-Secure a criar história didática com seu principal personagem, O Menino Maluquinho.
Personagem conhecido por suas bagunças e peripécias, o Menino Maluquinho, criação de Ziraldo, entra em cena para orientar crianças e adultos sobre uma questão séria: a segurança na internet.
O “moleque travesso” é a estrela de uma campanha promovida pela empresa de segurança F-Secure, que convidou o cartunista e escritor a criar uma história infantil sobre o tema. A revista, chamada “A internet segura do Menino Maluquinho”, fará parte de um kit que será distribuído a escolas por todo o Brasil.
Nessa nova aventura, o personagem mirim acaba de receber uma conexão de banda larga e, por meio dela, começa a se aventurar pelo extenso universo da internet. É quando conhece o “Patrulheiro Cibernético”, que lhe dará as noções fundamentais sobre segurança na rede. “Esse tipo de conteúdo (online) é muito poderoso. Queremos proteger a juventude brasileira desses perigos”, afirma Ziraldo.
O objetivo do projeto é ambicioso. A companhia pretende doar a todos os professores do país o kit, que inclui, além de um exemplar da revista, o software F-Secure Internet Security, um manual com informações sobre sustentabilidade e uma semente de arvore Ipê.
Por sua vez, os alunos das instituições de ensino que adquirirem o software ganharão gratuitamente o kit da F-Secure.
“Nossa intenção é provocar o debate entre a família e a escola, além de estimular a leitura”, afirma o presidente da F-Secure, Belmir Menegatti. “Os adultos, em geral, não conhecem os perigos da internet”, completa.
Segundo o Comitê Gestor da Internet, 46% dos adultos não procuram saber o que os filhos vêem no computador, e 41% se limitam apenas a perguntar o que estão fazendo. Para Ziraldo, a rede é muito mais do que as pessoas imaginam, e a sua essência pode ser obscura se for mal utilizada. “A internet é a alma explicita do mundo. Minha relação com ela mudou após a produção desse livreto”. declarou.

Fonte
Cartilha

Deixe uma resposta