Quero ser de TI, como fazer?

Por diversas vezes, recebo mensagens pelo blog de adolescentes perguntando como podem iniciar a carreira já na “TI”. Assim resolvi escrever este artigo mais com o direcionamento para estes jovens profissionais, sobre minha visão de como posso tentar auxiliamos com base em minha experiência. Se os profissionais de mercado puderem enriquecer o que digo, será muito bem-vindo.

A tempos o mercado de tecnologia está em ascensão. Não só pela vasta área de abrangência como também tem se tornado cada vez mais estratégico dentro das organizações. As vezes estes indicadores coloca na mente dos mais jovens que a TI seja uma boa alternativa, mas será que a exigência para a área é realmente o que você busca?

Apesar da tecnologia está em todas as frentes de negócio, TI, não necessariamente pode ser a sua “vocação” profissional. Você pode estar embargado na TI, sem necessariamente ter que ser gabaritado. Áreas como negócios, marketing, inovação e empreendedorismo, também pode lhe trazer um vínculo muito forte com novas tecnologias. Mas se você é resiliente, adora estudar as novidades e acha mesmo que a TI é seu foco, minhas recomendações para seu desbravamento inicial é o seguinte:

Participe de Congressos – Se você é de Belo Horizonte, como eu, cole nas organizações que apoiam eventos de TI, SUCESU é uma dica. Alguma universidade tem eventos muito legais que podem te nortear as ações. Ou mesmo iniciativas de startups como a BHTec, BioMinas, podem lhe dar um vislumbre do que é o mercado de TI em Minas.

Se gradue (e não pare) – Não tire isso da cabeça, graduação é seu pré-requisito. Sua carta de entrada para o mercado profissional. Cursos tecnólogos são uma ótima opção para entrar no mercado de forma rápida e assertiva, mas lembre-se que por ser um curso rápido o foco é totalmente direcionar para uma área. Se sua praia for Internet, de nada adianta querer fazer um tecnólogo em redes de computadores, já vai direto para desenvolvimento web. Mas não pare aí…

Quer começar a enriquecer seu currículo agora? Conseguir um emprego para conseguir bancar a faculdade? Então seu direcionamento deve ser para cursos rápidos, e em grande parte gratuitos, hoje oferecidos por vários portais:

http://www.ev.org.br/Paginas/Home.aspx

http://www.brasilmaisti.com.br/index.php/pt-br/

https://mva.microsoft.com/

http://www.intel.com.br/content/www/br/pt/it-management/intel-it/it-managers.html?PageID=1

Inglês – Tenha a língua Inglesa no seu radar como item obrigatório, não somente por que 99% das novidades de TI vem de fora, mas isso abre um mundo de conhecimento graças à internet, aos livros, (que são baratíssimos nos sebos do Maleta) e fóruns estrangeiros que pode participar. Cursos de inglês grátis, tem um monte na web, mas recomendo para iniciar com o Duolingo: https://pt.duolingo.com/

Certificação Profissional – Algumas empresas como Microsoft, Cisco, Oracle, Google, emitem certificação atestando que o profissional tem profundos conhecimentos em uma ferramenta, ou serviço, mas esse grau deve ser sempre almejado, quando você já sabe qual a área que deseja se especializar. Não adianta querer abraças um mundo de certificações, se esta atirando para todas as áreas. Além de pegar muito mal com empresas empregadoras, pois passa a visão de que você não sabe o que quer. Concilie as certificações profissionais com a sua área de interesse. Sem contar que não são baratas.

Vagas de empregos – Não se iluda em querer ser analista já na sua primeira oportunidade. Comece tranquilo, voe baixo, procure algo como assistente ou auxiliar de TI. Eu comecei como auxiliar de suporte técnico. E minha primeira certificação me possibilitou dar salto considerável, que me permitiu até mesmo bancar uma faculdade. Isso a 18 anos atrás não era algo tão acessível como hoje em dia. Tem dois sites de empregos que gosto muito para sua garimpadas:

http://infojobs.com.br

http://vagas.com.br

#ficaadica –  No site da SUCESU, tem uma lista de várias empresas de TI, que você deve acompanhar as vagas que são abertas constantemente, veja as empresas associadas que podem lhe ser um norteador: http://www.sucesuminas.org.br/associacao/empresas-associadas

Conheça gente da área – Uma ação que gosto muito e recomendo, são conhecer pessoas da área. Veja quem são os formadores de opinião e siga eles nas redes sociais. Seja pelo Facebook, Twitter ou LinkedIn. A grande maioria adora compartilhar o que sabem e convites de novas conexões são sempre vindas, só não esqueça que educação também vale no mundo virtual, seja educado na web, como você deve ser no mundo real. Não seja troll…

Lembre-se: O que você quer? – A área de TI, tem várias frentes de atuação e está cada vez mais especializada. Saber o que você gosta, será precioso, mas nada te impossibilita a querer mudar de área mais a frente, só cuide para que seu esforço seja direcionado mais adequadamente para seu perfil. Se curte consertar coisas, suporte técnico pode ser sua praia. Se gosta de desafios e raciocínio lógico, desenvolvimento por ser uma boa. Se adora TI, mas não gosta de se relacionar com pessoas diretamente, pense em Infra ou telecom. E todas estas frentes tem segmentações dentro de cada área.

Tendências – Eu vejo como grande possibilidade para a área de TI, Cloud Computing, Big Data, Machine Learning, IoT, Mobile/Apps. Vemos fora do Brasil, Inteligência Artificial crescendo de forma interessante. Talvez este seja o melhor momento para estudar nestas novas tecnologias e ser o especialista que o mercado tanto necessita.

Estimo-lhe uma ótima aventura!!

Deixe uma resposta