Ir para o conteúdo principal

Com certeza, já deve ter ouvido falar em sua organização: “Estamos sem internet, pois a rede está fora do ar”? Ou “Os arquivos no servidor não abrem, pois estamos com problemas na rede”? Já passou por isso? Então fique comigo que vou te explicar o que estas “redes” significam!

O conceito primordial de uma rede é bastante simples. A rede nada mais é do que dois ou mais computadores ou dispositivos, conectados para compartilhar informações. Sejam por qualquer tipo de redes. Por cabo, por fibra ótica, por wifi, por 4G, que trocam pacotes de dados.

Imagina que as informações na rede, são vários pacotinhos de dados.

Todo o tipo de rede de comunicação, indiferente de sua complexidade, baseasse em 04 princípios básicos, alem do próprio computador ou smartphone:

  1. Protocolo;
  2. Dispositivo de comunicação;
  3. Interface;
  4. Concentrador

O primeiro princípio básico é o protocolo. Ele o conjunto de regras de comunicação que todos devem falar. É como se fosse o idioma. Todos os dispositivos em uma rede, precisa falar o mesmo protoloco, ou o mesmo idioma. O protocolo de rede mais comum e o TCP/IP.

O segundo é o dispositivo de comunicação ou a placa. É necessário que o seu computador tenha uma placa de rede, ou uma placa wifi, para transmitir, ou falar nesta rede, com base no protocolo. Mesmo smartphones, possuem placas de rede, que estas, normalmente se comunicação pela rede de dados da sua operadora.

O terceiro, ou a interface, é como esse dispositivo vai falar. Se possui uma placa de rede, a interface pode ser por cabo, pode ser por fibra ótica.

Esta são as interfaces de comunicação. Temos diversas interfaces de comunicação. Temos equipamentos, que tem mais de uma interface, como é o caso de roteadores. Às vezes, o seu roteador de casa, tem interface de cabo e também tem interface wifi. No mesmo equipamento, podendo ser conectado tanto pela rede cabeada, como pela rede sem fio.

E por último e não mesmo importante. Temos o concentrador. Este dispositivo faz o controle do tráfego da rede e direciona para onde os pedidos de acesso a rede são direcionados e para onde devem ir.

Podemos ter como exemplos de concentradores, os roteadores, os switchs, e outros equipamentos onde as interfaces se concentram para se comunicarem. E o concentrador, auxilia aos pacotes de dados, para ondem deve seguir.

Imagina comigo o seguinte cenário. Seu laptop esta ligado em uma rede wifi. Então, você já sabe que existe um concentrador, ou um roteador nesta rede que você está conectado. Mas também existe outro computador, na sua mesma rede, que tem uma impressora conectada, a qual, você consegue imprimir.

Quando você manda imprimir na impressora, os pacotes de dados, com as informações. Saem do seu laptop, no protocolo de comunicação que você está usando, são transmitidos pela sua placa de rede na interface que você esta conectado e são enviados para o concentrados. Então do concentrador, vão para o computador onde a impressora esta instalada. O concentrador, sabe que os pacotes de dados, precisam ir pelo caminho correto, que leva até o outro computador. E ao chegar lá, a impressão acontece.

Em outro caso, quando você precisa cessar alguma página na internet, o concentrador, entende que seus pacotes de dados querem ir para outro destino e não para o computador que tem a impressora, que você utilizou agora a pouco. Então o concentrador, direciona o tráfego da rede, ou os pacotes de dados, para o destino na internet que vai lhe devolver com alguma página web.

Mas lembre-se, que tudo isso é muito rápido, pois estamos falando de pulsos elétricos. E isso, é um caminho de duas vias. Seu computador envia os pacotes de dados, e recebe resposta no mesmo formato, mas ele apresenta pra você de uma forma que você vai entender. E tudo isso, acontece com ajuda do Sistema Operacional.

Lembra que falamos que o SO, cuida de diversas coisas em seu computador, mesmo que você não perceba? Se não lembra, veja na pérola sobre Sistemas Operacionais.

Existem diversos tipos de redes, as LANS, as WANS, as WLANS. As em barramentos, estrela, anel e um vasto mundo neste universo para ser explorado, mas não vamos para tão longe.

O objetivo é que você perceba que as redes são pacotes pequenos de dados, que trafegam entre dispositivos e precisam dos 04 princípios básicos para funcionar e se a rede está fora do ar, é sinal que algum deste 04 esta com problemas.

Espero que tenha dado um vislumbre, não muito técnico, de como as redes funcionam. Se tiver dúvidas, post suas questões que irei responder.

Até a próxima pérola.

Deixe uma resposta